Fevereiro 25, 2021

PorAqui

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que deseja saber mais sobre em Poraqui

Isenção de IVA portuguesa para transferências de dispositivos médicos para diagnóstico in vitro de COVID-19, prestação das suas vacinas e serviços relacionados

Lei portuguesa nº Epidemia 4-C / 2021 -19, que mudará a ordem (UE) de 7 de dezembro de 2020 a 2020/2020 sobre medidas temporárias de imposto de valor agregado aplicáveis ​​a dispositivos médicos de diagnóstico in vitro em resposta às vacinas COVID-19 e COVID

A lei, que entrou em vigor no dia 17 de fevereiro, passa a valer a partir do dia seguinte e isenta a isenção do IVA da prestação de dispositivos médicos para diagnóstico in vitro da COVID-19 e da prestação de vacinas e serviços contra a doença. Relacionado a esses produtos.

As seguintes transações estão agora – e até 31 de dezembro de 2021 – isentas de IVA:

  • As trocas, aquisições intercomunitárias e importações de dispositivos médicos para a detecção da doença COVID-19 estão sujeitas aos requisitos aplicáveis ​​estabelecidos na legislação europeia;
  • Transações contra COVID-19 aprovadas pela Comissão Europeia ou Autoridade Nacional de Saúde, aquisição intracomunitária e importação de vacinas; E
  • Prestar serviços intimamente relacionados com os dispositivos ou vacinas mencionados nos pontos anteriores.

Ressalte-se que apesar da isenção para as operações listadas acima, a lei estabelece a possibilidade de isenção do imposto sobre bens ou serviços recebidos, importados ou utilizados pelo contribuinte. Serviços.

Veja o quadro de pedidos na íntegra aqui: https://dre.pt/application/conteudo/157772254

READ  Liga portuguesa anuncia jogo com espectadores - últimas notícias, notícias de última hora, principais manchetes