Músicas de Sexta: um Radiohead pra chamar de seu

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

Spoiler: tem seleção especial no fim do post 😎

Quantos Radioheads cabem numa banda? Todos temos um Radiohead pra chamar de nosso, com uma trajetória de nove álbuns e uma narrativa estética formada na base da desconstrução – do começo com guitarras distorcidas e melodiosas ressaltadas pela potência vocal de Thom Yorke, ao esvaziamento de formatos e gêneros de trabalhos como o Kid A e o King of Limbs.

O processo criativo da banda – desde o OK Computer, com variações de maior ou menor alopração nesse sentido – é desenvolvido a partir de camadas. As músicas do Radiohead nunca são algo “simples”.

Cada canção soa como uma condensação melódica milimetricamente pensada – o tom de voz certo, o ruído inesperado, a batida, a inquietude, o sublime, tudo ali parece ter sido exaustivamente pensado e repensado de modo muito peculiar.

Não é à toa que, vez em quando, a depender do estágio de atenção, fones de ouvido ou modalidades de percepção momentâneas podemos perceber coisas novas em músicas que já ouvimos dezenas de vezes. A banda provoca isso de caso pensado.

Músicas de Sexta: abre alas da nova temporada

Se juntarmos a essa engenharia musical um permanente status melancólico gerado por letras, timbre de voz, condução melódica – favor não confundir melancolia com tristeza -, temos exatas 100 músicas “oficiais” que representam um universo em aberto.

Cabe-nos juntar tudo da forma que melhor nos couber e montar, junto com fragmentos de vivências, lembranças, horas de audição num quarto escuro, o nosso próprio Radiohead.

Por isso, quando nos deparamos com o setlist do show que o grupo fez no Chile, na última quarta (11), que abriu a passagem sul-americana da banda (tocam no Brasil dia 20 – será??? – no Rio de Janeiro e no dia 22 em São Paulo) depois de nove anos de espera.

O último show feito no Brasil foi também num dia 22 de abril, mas de 2009 nos enxergamos e nos repelimos na mesma medida.

O show deles continua gigante, com 26 músicas e dois momentos de bis (eles chegam a fazer três em algumas ocasioões), mas é inevitável: sempre sentiremos falta de uma ou outra música e acharemos desnecessária a presença de tantas outras.

Daí, fizemos o exercício: considerando todos os Radioheads que perpassam as cabeças do Músicas de Sexta, tomamos o setlist da apresentação chilena como ponto de partida e construímos um show do Radiohead pra chamar de nosso – afinal, conceber um show deles sem There There, né mesmo?

Segue nossa seleção: 📣

E aqui uma lembrança: o Rain Down Project – o show que a banda fez em São Paulo totalmente reconstruído e costurado com imagens da TV e de câmeras de celulares (isso, lá em 2009!).

Vale sempre a pena ver de novo!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *