Ramon Bar chega à Zona Norte com seu tempero argentino

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email
Sobrecoxa de frango e abacaxi grelhados - Foto: divulgação

Mal foi inaugurado no casarão de número 1.778 da Avenida 17 de agosto, o Ramon Bar y Parrilla já está movimentando o bairro de Casa Forte, na Zona Norte do Recife.

“Tá sendo bem interessante a receptividade. O fato de muita gente já conhecer o Ramon de Boa Viagem criou uma certa expectativa no público. Até porque faz uns três meses que anunciamos a inauguração em Casa Forte, embora só começamos a funcionar há uma semana. O último final de semana foi bem cheio”, conta o argentino Nicolás Escudero, sócio do estabelecimento junto com o irmão, Leonardo Escudero, e o chef Miguel Castillo.

LEIA TAMBÉM:

Blogueira Anna Terra elege os melhores restaurantes de Casa Forte

De petisco a alimentação natural: o guia gastronômico da Praça de Casa Forte

Ramon está na Av. 17 de agosto, em frente ao Bar Real – Foto: Marina Suassuna/PorAqui

Conhecido pelos temperos argentinos, o Ramon vai manter em Casa Forte a mesma proposta da unidade da Zona Sul. Não só no cardápio, que inclui, petiscos, sanduíches e pizzas, mas também na estrutura.

Além de dois ambientes internos e do balcão, o local dispõe de um quintal arborizado com chão de brita, onde ficam a maioria das mesas, “numa proposta alternativa, com atendimento mais informal, de igual pra igual, uma pegada mais fresca, mais jovem”, define Nicolás.

Cardápio

No cardápio, o diferencial vão ser as receitas preparadas na parrilla, que em português significa grelha. “Em Boa Viagem, nós servimos a pizza na pedra e em Casa Forte ela vem na grelha, que fica bem diferente, mais defumada”, explica o sócio.

Com passagem em outras cozinhas recifenses, como a do Nikko, em Boa Viagem, e a do Barchef, em Casa Forte, o chef da casa, o argentino Miguel Castillo, trabalha com grelha há muitos anos.

De sua cozinha, além das pizzas, saem petiscos e sanduíches tipicamente argentinos como o vacio con papas (fraldinha com batatas ao murro chimichurri e vinagrete), que sai por R$ 25 e bondipan (corte suíno com mostarda chucrute, queijo picles e alface), por R$ 18.

Foto: Marina Suassuna/PorAqui

Outro sanduíche clássico argentino é o choripan, que no Ramon ganhou uma versão caprichada, batizada de superchori:  toscana, chucrute, tomate, sour cream e batata palha. Este sai por R$ 15.

“A proposta é oferecer também um pouco da cultura argentina, por isso fizemos o cardápio com os nomes dos pratos em espanhol, mas a explicação em português”, aponta Nicolás.

Ao contrário da maioria dos estabelecimentos, o Ramon abre nas segundas, quando rola clone de shot por R$ 9. Já nas quartas, tem clone de drink. “A ideia é ir perpassando o cardápio pra ir apresentando um drink diferente a cada semana e falar um pouco sobre a história do drink, sua origem, de que ele é feito”, explica Nicolás, que apostou na coquetelaria clássica com gin, uísque e tequila.

Foto: divulgação

Além dos destilados, o estabelecimento oferece vinhos e uma carta de cervejas artesanais genuinamente pernambucanas como a Ekaut (R$ 22), a Debron (R$ 16-R$ 18) e a Risoflora (R$ 22), além das clássicas Heineken (R$ 12 a de 600 ml e R$ 7 a long neck), Amstel (R$ 9) e Bavaria Premium (R$ 8).

O cardápio é um pouco mais reduzido que o de Boa Viagem, mas não deixa a desejar. “Muita gente tem chegado aqui procurando as empanadas que fazemos no Ramon de Boa Viagem e também alguns drinks de lá. Mesmo não tendo no cardápio daqui, a gente faz quando as pessoas pedem.”

Foto: Marina Suassuna/PorAqui

A localização estratégica é motivo de entusiasmo para os sócios. O Ramon está na mesma calçada do recém inaugurado Donovan’s Irish Pub. Na sua frente, tem o Bar Real e a Venda de Seu Antônio e, a poucos metros, o Barchef e o TheCave.

“É muito interessante estar no meio desse polo boêmio e gastronômico com propostas tão diferentes e perceber que todo tipo de público vem pra essa zona”, comenta Nicolás, que enxerga semelhanças entre o bairro de Casa Forte e a sua cidade natal, Córdoba, na Argentina.

“O fato do bairro ter uma praça muito arborizada e casas muito antigas de estilo colonial me faz lembrar da minha cidade quando estou aqui. Por isso curto muito essa parte mais afastada de Casa Forte.”

Serviço
Ramon Bar y Parrilla
Avenida 17 de agosto, 1778, Casa Forte
Horário de funcionamento:
segunda e quarta, das 18h a 0h
quinta, até 1h
sexta, sábado e domingo, até 2h
(fecha nas terças-feiras)
Telefone: (81) 3128-0412

 

comment 1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *