No Natal, comprar no comércio local pode fortalecer seu bairro

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Período do ano mais importante para o comércio em todo o Brasil, o fim de ano é aguardado também pelo comércio dos bairros. É a época em que as pequenas lojas de presentes e mercadinhos, por exemplo, esperam ter uma folga no orçamento ou até tirar a corda do pescoço para manter suas operações na nossa vizinhança, mantendo assim os empregos de nossos vizinhos e a circulação de dinheiro dentro do nosso bairro.

5 lojas de moda praia que estão fora dos shoppings

O consultor do Sebrae, Vitor Abreu, destaca a sensibilidade que o empresário local tem para com as questões de interesse do bairro, pois precisa que o entorno esteja favorável para que todos ganhem. Se tornando assim mais uma força para a melhoria da comunidade.

Ainda segundo ele, os pequenos negócios representam 98% das empresas em Pernambuco e geram 48% dos empregos formais. “Por este motivo, as micro e pequenas empresas possuem um papel econômico muito importante, contribuindo para o desenvolvimento local e nacional”, comenta.

“Ao comprar de um pequeno empreendimento, situado geralmente nos bairros e próximos das residências, estamos apoiando também a econômica local. Este empresário terá grande probabilidade de reinvestir parte do lucro no próprio negócio, ampliando a estrutura e gerando mais emprego no próprio bairro”, reforça.

Ou seja, além de a gente fortalecer o comércio próximo a nossa casa, contribuindo para o crescimento dessas e para a criação de empregos, a gente fortalece nossa relação com os comerciantes. Isso pode resultar e união de forças para o fechamento daquele buraco na rua principal, ou o conserto da rede de esgoto na rua de trás, ou o reforço no policiamento. Quem sabe a gente ainda não ganha um desconto em nome da amizade?



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *