Edf. Califórnia vive novo momento cultural e pode ganhar cinema de arte

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

Por Geraldo Lélis, do Por Aqui

Depois de décadas com parte de suas lojas fechadas, o Edf. Califórnia vive agora um novo momento. Um momento de plenitude em suas atividades comerciais. Isso porque, desde o começo do ano, não param de serem inaugurados empreendimentos nas salas do prédio, que já ganhou um café, um escritório de arquitetura, uma galeria de arte e um estúdio de música. 

A expectativa é ainda de implantar um cinema de arte, ideia que hoje é um projeto – e um grande desejo -, ainda sem nenhuma iniciativa fora do papel.

O primeiro a se instalar e começar a funcionar foi o Café Borsói, que serviu de inspiração para o arquiteto Diogo Viana, que projetou a obra de implantação do café e se interessou pela sobreloja, no primeiro pavimento do edifício.

"Eu vi que tinha um andar inteiro à disposição fechado há mais de 20 anos, só que era muito grande para eu colocar apenas o meu escritório, então eu comecei a convidar amigos que têm atividades ligadas à arte e aí vieram a Amparo 60 e vai iniciar ainda um estúdio musical", conta o arquiteto, que descarta a instalação de um movimento de ocupação do Califórnia.

"Não foi um movimento e não teve isso. Houve essa oportunidade de usar esse espaço, que é excelente para o meu negócio e para os negócios que estão aqui", afirma. "Agora eu acho que juntos estamos querendo fomentar ações de cunho cultural no prédio, como feira de antiguidades, eventos de jazz, vamos promover uma série de eventos naquele pavimento", acrescenta.

"Temos expectativa de um dia viabilizar a instalação de um cinema de arte aqui neste prédio. É só uma ideia que vai ser colocada em estudo, mas está dentro de nossa vontade também", completa Diogo.

Como resultado dessa mudança, Diogo já pode mensurar ganhos para o seu escritório. "A repercussão está sendo excelente. Os clientes estão gostando bastante, porque é um lugar arejado, estou perto do meu cliente. Está sendo bom tanto para a Amparo como para mim", analisa.

Localizado na Rua Artur Muniz, no 2º Jardim de Boa Viagem, o Califórnia foi projetado por Acácio Gil Borsói, que empresta o nome ao café instalado no início do ano no prédio, e inaugurado em 1957, sendo um dos primeiros arranha-céus do bairro. Inicialmente foi ocupado com objetivo de veraneio, mas, ao longo dos anos, com a migração de muitas famílias para o lado de cá da Ponte do Pina, o perfil de ocupação foi mudando.

Historicamente, o Califórnia sempre foi um ponto de encontro em diversos eventos e datas em Boa Viagem e sempre teve a veia cultural e boêmia ativa e que foi mantida pela Cervejaria Alphaiate e reforçada há alguns anos pelo Guaiamum Gigante Praia, ambos no térreo do edf.


O jornal de bairro evoluiu. No PorAqui, você encontra estações de conteúdo hiperlocal e colaborativo.

Baixe agora o app gratuito e cadastre-se: Android e iOS

Sugestões e colaborações: boaviagem@poraqui.news e (81) 98173-9108 (WhatsApp)



comment 5 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *