Projeto leva formação cidadã a mulheres do Vera Cruz, em Aldeia

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email
Foto: Tatiana Portela

Um projeto chamado Mulheres Camará está trazendo formação cidadã e geração de renda para 50 mulheres da comunidade do Vera Cruz, especialmente as que são usuárias do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). O projeto, coordenado pela Associação Mulheres Guerreiras de Camaragibe, tem o apoio financeiro da Secretaria Estadual das Cidades e da AVASI Brasil (por meio da União Europeia).

Ceça Santos é presidente da Associação de Mulheres
Ceça Santos é presidente da Associação de Mulheres há 5 anos

“Durante o projeto, que começou em fevereiro e vai até junho, as mulheres recebem informações sobre seus direitos, questões de gênero, cidadania e sobre as formas de violência contra a mulher”, conta Ceça Santos, presidente da Associação. Na segunda parte, a capacitação é prática: elas aprendem a fazer artesanato com aulas de customização de blusas, caixas em mdf, estamparia em tecido e arranjos florais. E finalmente mostramos a elas como comercializar o que produzem”.

Instituto São Jorge, em Aldeia, precisa de todo tipo de ajuda

A Associação Mulheres Guerreiras de Camaragibe funciona há 7 anos, sempre buscando empoderar as mulheres das comunidades buscando financiamento para os projetos de formação. Entre outros, a Associação já realizou projetos em parceria com a Cooperação Ecumênica de Salvador, Petrobras, AVSI/União Europeia e também por meio de incentivos do Funcultura.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *