Saiba como fazer denúncia de focos de mosquito em Setúbal

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

Passado o período de julho e suas chuvas intensas, o que resta são os focos de água parada aliados às temperaturas altas da pré-primavera. Tudo isso é um prato cheio para a proliferação de um problema nada novo para os brasileiros: o mosquito aedes aegypti, que transmite não só dengue, como zika, chikungunya e febre amarela.

Recentemente mostramos um dos problemas mais urgentes do bairro: os terrenos baldios, abandonados e sem nenhum tipo de manutenção. São principalmente desses espaços que os moradores de Setúbal mais reclamam e onde observam os focos de água parada.

No grupo de moradores de Setúbal no Facebook, áreas privadas com esse problema são fonte constante de reclamação. O morador Adelson Amorim denunciou uma casa parcialmente demolida na Rua Major Armando de Souza Melo, que tem uma piscina com água parada.

“Nosso prédio tem diversas crianças e tinha até mulheres grávidas. A quantidade de mosquitos aumentou bastante e estamos muito preocupados com a quantidade de doenças que estão transmitindo”, conta o morador. 

Problema bastante semelhante também foi relatado pela moradora Mônica Machado. Nesse caso, uma piscina na cobertura de um prédio vizinho localizado próximo ao Edifício Transatlântico, na Rua Setúbal. “Percebemos a piscina com água suja há pouco, mas não conseguimos fazer a denúncia pelo telefone da Secretaria de Saúde.”

foto: colaboração/Mônica Machado

Como agir

E o que fazer quando identificamos situações de risco para a população? Quando o foco do mosquito é detectado e não pode ser eliminado pelos moradores do local, a Secretaria Municipal de Saúde deve ser acionada, segundo o Ministério da Saúde.

Para áreas privadas, é necessário que se faça uma denúncia por meio do telefone 3355-1964. Já para áreas públicas como praças, ruas e equipamentos de uso comum, o telefone é 3355-1969.

Além disso, não custa nada sempre lembrar aos vizinhos e amigos para não deixar água parada sem tratamento. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, em 2016 durante o surto de epidemia de zika e chikungunya, chegaram a ser relatados mais de 9 mil casos de suspeita das doenças em uma semana.

Se você apresentar algum dos sintomas das doenças é importante procurar um posto de saúde. Em Setúbal, temos os locais públicos mais próximos são:

Centro de Saúde Dom Miguel de Lima Valverde
R. Feliciano José de Farias, 195
Atendimento de segunda a sexta, das 7h às 17h.

Centro de Saúde Djair Brindeiro
Rua Cosmorama, S/N
Atendimento todos os dias das 6h às 22h.

UPA Imbiribeira
Avenida Mascarenhas de Morais, 4223
Atendimento 24h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *