Teatro do Parque: MinC vai liberar R$ 3 milhões para a reforma

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email
JC Imagem

Em entrevista à Rádio Jornal, na manhã desta quinta (5), o prefeito do Recife, Geraldo Julio, anunciou que o Ministério da Cultura (MinC) destinará R$ 3 milhões paras as obras de reforma, ampliação e restauração do Teatro do Parque, na Boa Vista.

O repasse chega para totalizar os mais de R$ 5 milhões anunciados pela PCR, em agosto, que serão destinados às obras. Esse valor seria, inicialmente, de recursos próprios do Município. Com o repasse do MinC, o valor se divide: R$ 3 milhões do ministério e o restante como contrapartida da prefeitura.  “Isso permitiu à prefeitura liberar parte desse recurso próprio para ser utilizado em outras áreas”, informa a assessoria do Gabinete de Imprensa da PCR.

Segundo publicação de 22 de agosto do Diário Oficial do Município, a abertura das propostas das empresas interessadas em tocar a reforma será no próximo dia 17 de outubro. Já a assinatura da ordem de serviço para o início das obras está prevista para janeiro de 2018.

Com um prazo de 18 meses para a sua conclusão, a previsão é que o Teatro do Parque reabra suas portas, completamente reformado, em julho de 2019.

Posteriormente, outras licitações estão previstas envolvendo o Teatro do Parque: para a aquisição de materiais e equipamentos internos do teatro. O total de investimentos, segundo a PCR, atingirá a marca de R$ 12 milhões.

Via crucis

Com as portas fechadas desde 2010 (ou seja, há sete anos), o Teatro do Parque – um dos mais tradicionais e populares da cidade – se tornou uma das principais gritas da classe artística do Recife, com relação ao descaso e abandono do equipamento pelo poder público.

‘O Teatro do Parque é minha memória, é sua memória, é nossa arte’

Em 2015, ano do seu centenário, o Teatro permanecia do mesmo jeito que se encontra até hoje: fechado. Várias foram as manifestações públicas realizadas em prol da reabertura do equipamento, como a Virada Cultural do Teatro do Parque, realizada em agosto, com uma programação inteira contemplando diversas linguagens artísticas.

Uma audiência pública foi realizada para verificar onde estavam os entraves para a retomada das obras. Na semana da audiência e a da Virada Cultural, a Prefeitura anunciou nova licitação para continuar a reforma.

Com informações da Rádio Jornal e do PorAqui



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *