Apesar da chuva, URB garante crononograma do Parque Capibaribe

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email
Foto: Prefeitura do Recife/divulgação

Moradores das Graças estão preocupados com o andamento das obras do Parque Capibaribe, que teve início há um mês, no dia 1º de junho.

Segundo relatos postados nas redes sociais da Associação por Amor às Graças, não há movimentação de operários e até contêineres foram retirados. A preocupação é que, com as chuvas de inverno, o cronograma das obras, que deve levar 18 meses, atrase muito.

Segundo o arquiteto Buga Marinho, morador da Rua Manoel de Almeida e integrante da associação, “estão todos meio frustrados porque não há grandes sinais de obra em curso”.

LEIA TAMBÉM:

As Graças não param: quinta (6) tem seresta organizada pelos moradores

“Na virada da minha rua, se vê apenas o tapume metálico do canteiro no pé da ponte da Torre, mas nunca vi pessoas trabalhando. Do outro lado, na ponte da Capunga, só vi o tal bate-estaca”, denuncia Buga.

O PorAqui procurou a assessoria de comunicação da Autarquia de Urbanização do Recife (URB), que enviou a resposta em nota.

“A URB informa que a obra da segunda etapa do Parque Capibaribe está sendo executada de acordo com o cronograma planejado. Nesta fase, está sendo erguido o canteiro de obras ao lado da Ponte da Torre.”



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *