3ª etapa do Parque Capibaribe será da Ponte da Torre ao Jardim do Baobá

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

Moradores e usuários do bairro das Graças, na Zona Norte do Recife, podem aguardar, para breve, boas notícias sobre o Parque Capibaribe. Segundo o secretário executivo da Secretaria de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Recife, Romero Pereira, já está em processo de elaboração o projeto executivo da terceira etapa do parque, que contemplará o trecho de 400 metros que vai do Jardim do Baobá à Ponte da Torre. Também está participando da construção do projeto o Inciti, ligado à Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

LEIA TAMBÉM:

PCR promete três mudas para cada árvore derrubada no Parque Capibaribe

Parque Capibaribe: construções ilegais começam a ser derrubadas

Vídeo: Capivaras fazem visitas constantes ao Jardim do Baobá

A novidade foi revelada por Romero Pereira em entrevista exclusiva ao PorAqui. “Tivemos uma reunião, inclusive com o secretário [de Meio Ambiente, Bruno Schwambach], e decidimos que nossa próxima obra vai ser a ligação desses  400 metros.”

Segundo ele, o projeto prevê uma passagem por debaixo da Ponte da Torre, para que pedestres e ciclistas não precisem atravessar o trânsito na passagem até o Jardim do Baobá.

“O próximo ‘dinheirinho’, a gente faz da Ponte da Capunga até o Derby”, espera. “A médio prazo, até o fim da gestão [do prefeito Geraldo Julio], temos uma boa probabilidade da gente sair do Baobá até a Praça do Derby”, aposta.

No entanto, a previsão é que a obra da 2ª etapa do Parque Capibaribe tenha duração prevista de 18 meses, como no projeto inicial. Esta 3ª etapa pode ocorrer ou não concomitantemente com a 2ª fase do projeto.

Quanto ao projeto como um todo, ele se julga mais realista. “Acho que o parque é um projeto muito grande. O horizonte de trabalho deve ir até 2037, quando a cidade faz 500 anos. Os otimistas acham que daqui pra lá o parque vai estar pronto. Eu sou mais realista.”

Café na Calçada

A partir do dia 20 de agosto, o Inciti participará de todas as edições do Café na Calçada para tirar dúvidas dos moradores sobre o projeto do Parque Capibaribe.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *