Chuvas aumentam em 50% a ocorrência de quedas de energia em Aldeia

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email
Foto: Ronniechua/123RF

Atualizado às 10h20

Desde o fim do mês passado, a Celpe vem registrando um aumento de 50% no número normal de ocorrências de oscilação e queda de energia na região de Aldeia (e não de 100% como havíamos informado mais cedo).

Por ser uma área com muitas árvores e pelos fortes ventos que vêm sendo observados, há muitos casos de queda de galhos, placas que se soltam e outros objetos que voam e atingem a rede elétrica.

De acordo com o gestor de Operações da Celpe, Leonardo Moura, desde o fim do ano passado a empresa tem investido pesado em Aldeia, substituindo grande parte dos condutores de média e baixa tensão ao longo da PE-27.

“Os novos equipamentos são condutores protegidos, mais resistentes aos impactos causados por objetos que se soltam por conta dos fortes ventos”, explica.

LEIA MAIS

Parte da Estrada de Aldeia, na ladeira, é interditada por rachadura

DER reforça asfalto em trecho que estava rachando na ladeira de Aldeia

Além dos condutores, também estão sendo instalados espaçadores – que também reforçam a rede – e equipamentos de restabelecimento automatizado da energia.

“Em Aldeia estão sendo instalados dezenas desses equipamentos. Eles permitem que os reparos sejam feitos remotamente, sem necessidade de deslocamento de uma equipe até o local. E cada um deles atende a grandes blocos de 600 a 700 clientes”, diz Moura.

O que fazer se faltar energia

Segundo ele, no caso de interrupção ou oscilação de energia, o consumidor tem as seguintes formas de falar com a Celpe:

Ligar para 116;
Enviar uma mensagem de texto para 26560;
Ir à loja presencial da Celpe (Avenida Belmiro Correia, 747, Camaragibe Centro);
Acessar a loja virtual da companhia pelo site www.celpe.com.br;
Baixar o aplicativo da Celpe no smartphone.

Em todos os casos será necessário informar o número da conta contrato para que o endereço seja rastreado pelas equipes.

O gestor informa que a Celpe dispõe de um serviço de prontidão 24 horas e que, somente para atender a Região Metropolitana do Recife, este ano foram acrescidas 140 equipes às que já existiam. O tempo de espera por um atendimento, segundo ele, depende da complexidade do problema.

“Como Aldeia é uma área de proteção ambiental, a Celpe não pode, por exemplo, erradicar uma árvore. Pode, no máximo, podar os galhos que estejam comprometendo a rede elétrica”, diz. Por isso, muitas vezes a solução do problema não depende apenas da companhia energética.

“É muito importante que a população fique atenta e, ao identificar alguma árvore com risco de queda, chamar imediatamente a prefeitura para que avalie e tome as medidas necessárias”, explica Moura.

Dicas

O gestor dá ainda algumas dicas importantes para evitar problemas de curto circuito e choques elétricos:

Ao ver qualquer fiação elétrica partida em sua residência, mesmo quando não souber identificar se é fio elétrico ou de telefone, isole a área e chame imediatamente a Celpe para avaliação.

Evite ligações clandestinas, pois elas podem colocar em risco não só os moradores da casa, mas também quem passa pela rua.

Em caso de podas, observe se há rede elétrica por perto e, se for o caso, chame a Celpe para desligar o circuito.

Contrate um eletricista e realize periodicamente uma revisão no sistema elétrico da sua casa. Muitas vezes os problemas de oscilação da rede podem ser causados por problemas no disjuntor da residência e não no fornecimento de energia.

Em casos de prejuízos

Sobre eventuais danos elétricos relacionados a ocorrência na rede de distribuição de energia, a Celpe esclarece que:

A Companhia Energética de Pernambuco segue os critérios regulatórios estabelecidos pela Resolução 414/2010, da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A Celpe orienta os clientes a formalizarem solicitação de ressarcimento por meio dos canais de relacionamento da empresa – lojas de atendimento, teleatendimento 116 e site www.celpe.com.br.

É necessário informar data e hora da ocorrência. O cliente também não deve consertar os equipamentos antes da realização da vistoria técnica.

A Celpe se coloca à disposição.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *